Eu quero um segundo de silêncio, será que é pedir demais?

Um dia a mais, um dia a menos. Até um tempo atrás isso não fazia muita diferença. Eu podia passar a tarde toda olhando o teto e deixar os trabalhos e lições acumularem sem me sentir culpada. Agora é diferente. Não consigo passar um dia sem dar uma repassada na matéria e sem tentar adiantar o maior número de lições possível. Caso não faça, é um dia a menos, um dia perdido. As cobranças aumentam cada dia mais. Objetivos não alcançados. Pontuação que poderia ter sido maior. Eles cobram. Você sabe que poderia ter ido melhor. Você sabe. Não foi melhor, então? Sinceramente, não sei.

Queria poder deitar a cabeça no travesseiro, fechar os olhos e relaxar. Não precisa ser por muito tempo, não. Cinco minutos. Dez no máximo. Apertar o “pause” e deixar o mundo de lado. Só por um tempo. Silêncio. Sem cobranças. Sem pressão. Sem barulho. Sem nada. Somente fechar os olhos. Deixar de lado todas as preocupações. Trancar no armário as pessoas que insistem em voltar à sua vida.  Desligar o celular. Fechar o notebook. Ficar incomunicável. Escapar do mundo. Fácil assim.

Queria poder, mas não posso. A vida segue e você continua carregando o peso do mundo nas costas. Tentando equilibrar tudo, para não perder nada. Tentar seguir em frente, com um sorriso no rosto. Mesmo que seja falso. Mesmo que por dentro, eu não seja nada daquilo que aparento ser.

O que você vai ser, quando crescer? O que a gente vai fazer, quando se ver, de novo? O que será que acontece pra gente um dia não se querer mais? Eu só queria um pouco de paz. (Fresno)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: